top of page

O primeiro Carro elétrico por menos de R$100.000,00 não será 0 km

Fala galera, beleza??? Quero estrear a minha coluna em site próprio trazendo uma reflexão sobre quando os carros elétricos custarão menos de R$100.000,00. A verdade é que já temos todas as condições para isso, mas não será um veículo 0 km que deve atingir essa marca.


Com o lançamento do BYD Dolphin e, posteriormente, do GWM Ora 3 BEV, o mercado de veículos elétricos no Brasil recebeu uma bela sacudida e gerou a redução do preço de demais veículos no mercado.


Tanto o BYD Dolphin quanto GWM Ora 3 foram posicionados na faixa de R$150.000,00 a R$180.000,00. Eles não se tornaram os veículos mais baratos do Brasil, mas a quantidade de sistemas, qualidade de acabamento e sistema de powertrain e baterias mais modernos, fizeram com que outros modelos que já estavam nessa faixa de preço reduzissem o valor para se justificarem como opção de compra.


Modelos como o Caoa Chery iCar, JAC EJS1, Renault Kwid e-tech e até o Peugeot e2008 tiveram descontos bem agressivos para continuarem no páreo. Esse movimento não é novidade na indústria automotiva. Todavia, devido as pesquisas aceleradas gerando evoluções seguidas entre os veículos elétricos, a história se repetirá com muito mais frequência do que nos veículos à combustão.


Já podemos ver carros como o iCar por menos de R$120.000,00. A puxada de preço para baixo é positiva para ampliação da presença destes veículos na frota nacional. Entretanto, precisamos fazer uma pequena reflexão: se o carro zero fica mais barato, o que acontecerá com o carro usado?


Imagino que a resposta é um tanto óbvia. O problema é que as pessoas consideram erroneamente a baixa dos preços como desvalorização e não bem assim. Vou tentar trazer um exemplo:


Digamos que você comprou JAC EJS1 0 km por R$160.000,00. Após 2 anos de uso e 50.000 km rodados, o carro é colocado à venda por R$130.000,00. Então, teremos a desvalorização de 18,75% (lembrem-se, é só um exercício). Com o novo preço do JAC EJS1 em R$140.000,00, não faz sentido vender o carro usado por R$130.000,00, o mais correto seria oferecer por R$113.750,00.


No final das contas, o veículo não foi desvalorizado, pois o ele continuará tendo o mesmo percentual em comparação ao veículo novo. O sentimento não é muito agradável para quem vende, pois dá a sensação de estar perdendo dinheiro. Entretanto, não devemos nos focar na quantidade de "zeros", mas em que podemos fazer com determinador valor.


Voltando para o tema, acredito que estamos cada vez mais próximos do carro elétrico 0 km abaixo de R$100.000,00 aqui no Brasil. Mas antes que isso aconteça, terá um seminovo que terá plenas condições de atender suas necessidades.


Se avaliarmos, não é a maioria dos brasileiros que trocam seu carro por um modelo novo, grande parte da população acaba fazendo upgrade por outro carro menos usado. Isso não é demérito nenhum, pelo contrário, se houvesse mercado de carros usados, seria ainda mais difícil trocar de carro, afinal usamos nosso "velho amigo" como parte do pagamento.


Aliás, preciso corrigir uma coisa: Nós já atingimos a meta do carro elétrico por menos de R$100.000,00. Enquanto eu escrevia este texto, decidi pesquisar e encontrei um Caoa Chery iCar com menos de 20.000 km rodados por R$98.990,00 na WebMotors, ou seja, temos uma carro com baixa quilometragem com o valor 17,5% abaixo de um carro zero, já emplacado e com o IPVA 2023 pago.


Se você possui o mesmo perfil que o meu, onde o bolso pesa tanto quanto o gosto, deixo a seguinte sugestão: Acompanhe o preço dos carros novos e monitore a oportunidade dos usados. Não é incomum aparecerem boas oportunidades. Mas fique atento à condição de conservação, é menos subjetivo avaliar o estado de carro elétrico usado, mas ainda sim você precisa saber oque observar.


Para concluir, se você procura a oportunidade de comprar ou vender seu carro elétrico, não deixe de dar uma olhada nas opções aqui no site. Sempre busquei ajudar a galera a fechar bons negócios, não poderia faltar oportunidades no nosso site.


Até mais.


167 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page